Truque antitédio | Eu & Nós

Truque antitédio

Quem não tem a coisa se sente vazio. Se você anda se sentindo assim, se os dias são um tédio e nada tem sentido, talvez seja porque você não exerce a sua arte.

Por Marco Antonio Beck

rosto colorido de jimi hendrix

Pra cada um é uma coisa. Nem falo do óbvio: Neymar e a bola, Fernanda Montenegro e o palco, Jimi Hendrix e a guitarra. Falo de nóis que ninguém sabe quem é mas que também temos uma coisa que.

Uma coisa que nóis faz como se nóis e a coisa fossem um só.

Pode ser grande como pintar o teto da Capela Sistina ou jogar vôlei com os amigos no fim de semana. Como descobrir as ruínas de Troia ou desvirar um besouro que esperneia de barriga pra cima no piso da cozinha. Como encontrar o bóson de Higgs ou sentar diante de uma página de Word e das teclas brotar jazz.

Como perguntei noutro lugar, você sabe qual a sua ARTE? Ou, pra ser mais preciso, qual a SUA arte? Aquilo que você ama fazer para seu próprio deleite e o de mais ninguém? Para seu confidencial autossorriso?

Da resposta – e de praticá-la! – depende grande parte da sua paz de espírito. Porque se a gente faz um monte de coisas mas não faz a coisa que nóis faz como se nóis e a coisa fossem um só… bem, daí não haveria Neymar, nem Fernanda, nem Jimi, nem Capela Sistina, Troia ou bóson de Higgs. Os amigos seguiriam esperando você pro vôlei, o besouro morreria de exaustão no piso da cozinha e eu deixaria pra escrever este texto amanhã.

Não se adie! Brilhe!

Nem que seja só pra você, mas sim.

imagem: See-ming Lee 李思明 SML via Compfight cc 

SOBRE O AUTOR

Formado pela Sociedade Brasileira de Coaching (SBC) e pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), o Marco é practitioner em Programação Neurolinguística (PNL) e Emotional Freedom Techniques (EFT). Certificado em Psicologia Positiva pela metodologia do professor Tal Ben-Shahar, de Harvard, é coautor do livro Saúde Emocional (Editora Ser+), colaborador do blog da Sociedade Brasileira de Coaching e colunista convidado do Obvious, o maior site colaborativo de cultura em língua portuguesa. Estudou psicologia junguiana, noética e pensamento sistêmico, além de trabalhar como ghost-writer – que é quem coloca em palavras as ideias de muitos autores que você lê. Criou junto com a Mariana o Eu & Nós, primeiro site brasileiro sobre Coaching de Relacionamento.

Comentários do Facebook

Deixe seu comentário