2012 vai ser um fiasco a menos que… | Eu & Nós

2012 vai ser um fiasco a menos que…

Por Eu e Nós

rapaz soprando bolhas de sabão

Um troço gasto e desbotado vai findar dentro de nós na última badalada de 31 de dezembro e uma coisa NOVA e colorida surgirá em primeiro minuto de janeiro, bem na hora em que eu, champanha na mão, abraçar você.

O réveillon é uma data ritual, que nem aniversário, maioridade, formatura, casamento, inauguração da casa nova, nascimento de filho…

A gente projeta nessas datas simbólicas nossa necessidade de mudar, porque sabemos que algo em nós precisa mudar, e confia que dali em diante o passado ficará no passado e o futuro… UAU!

Mas dias depois, ou nem isso, cá estou de novo deprimido, com raiva de mim, cheio de justificativas, a repetir gulas, faniquitos, insônias, grosserias e autopiedade, exatamente como 365 dias atrás.

Todo mundo quer a mudança.

A mudança é bem-vinda porque parece algo que acontece com a gente, feito ganhar na loteria. De fora pra dentro.

Mas mudar é outro papo.

Mudar é algo que fazemos acontecer, feito brotar. De dentro pra fora.

Só que pra fazer acontecer eu preciso confiar no meu taco.

Pra confiar no meu taco eu preciso gostar de mim.

Pra gostar de mim eu preciso aceitar ser quem sou.

Pra me aceitar eu preciso acreditar que mereço.

Pra acreditar que mereço eu preciso substituir minhas crenças.

Pra substituir minhas crenças preciso mudar meu olhar sobre mim mesmo.

E pra mudar meu olhar sobre mim mesmo eu preciso trocar eu preciso por eu quero.

Experimente.

No réveillon eu quero me abraçar antes de abraçar você.

imagem: StephenMcleod

SOBRE O AUTOR

Comentários do Facebook

2 Comentários

  • 26/12/2011 - 22:23 Carlos Afonso

    E_X_T_R_A_O_R_D_I_N_Á_R_I_O!!!!!!!

  • 28/12/2011 - 11:14 Gígio

    Concordo com o Tatá… nada a dizer além de extraordinário.

Deixe seu comentário